Literatura Opiniões Literárias

Ask Again, Yes de Mary Beth Keane

Dezembro 3, 2019

Para tudo que está aqui um dos melhores livros de 2019. Ask Again, Yes é daqueles livros que causa fervor no estrangeiro, vemos a capa linda imensas vezes a passear pelas redes sociais. O facto de ver a capa tantas vezes influenciou na hora de decidir comprar ou não. Resultado de mais uma compra impulsiva, este livro de Mary Beth Keane acabou por ser uma surpresa. Na minha opinião, este livro é daquele género de ficção que nos faz falta, um livro ideal para os fãs de Pequenos Fogos Em Todo o Lado de Celeste Ng.

Um bom drama familiar, sentia saudades de ler um livro assim. Não sabia ao certo do que se tratava o livro Ask Again, Yes, limitei-me a dar uma vista de olhos pela sinopse. As primeiras páginas são confusas, dei por mim um pouco perdida na história. Contudo, conforme o enredo se desenvolve acabámos por ficar presos à história e inclusive às personagens. Destaco ainda a escrita da autora que é um pouco complicada de assimilar ao início, por breves instantes causou-me alguma confusão, porém acabei por me habituar e até admirar imenso a sua forma de narrar a história.

Antes de mais, este livro é cheio de emoções. Trata-se de uma história capaz de mexer e abalar as nossas emoções, é complicado ler este livro e sentir-se indiferente a ele. Começa pelo facto de haver muita história para além do enredo principal, não se foca apenas nas personagens principais, foca-se em tudo que está à volta deles e que desencadeou este fim. Admiro imenso livros assim, porque são histórias com as quais mais facilmente criámos laços de amizade. É caso para dizer que este livro apresenta-nos um caso de efeito borboleta. Tudo poderia ter sido diferente se um simples detalhe mudasse.

Recomendo a leres este livro se gostaste de “Pequenos Fogos em Todo o Lado!”

Como se não bastasse, as personagens são tão reais e bem caraterizadas. A forma como a escritora explora as interações de forma tão funda, como explora o ser humano, desde as suas emoções ao seu estar. Durante todo o livro senti um à vontade com as personagens, como se nos encontrássemos para beber café. Foi incrível ver as fragilidades de cada um, ver os seus traumas e quais as suas motivações. Para mim, é sem sombra de dúvida o ponto alto deste livro para além do enredo, as personagens fizeram história e deram um toque especial ao enredo tão trágico. Decerto que o livro é sentimental, consegue despertar os nossos sentimentos. A forma como acabamos por criar uma certa empatia de forma fácil com as personagens.

Enfim, Ask Again, Yes por ser cheio de hype será deixado de lado por muitos leitores. Acreditem que se gostarem de livros de ficção e baseados em traumas familiares, tenho a certeza que irão gostar deste livro, ou pelo menos admirar algumas partes. Por enquanto este livro ainda não se encontra traduzido para português, a autora comentou numa fotografia minha no instagram que este livro seria entre aos leitores portugueses em 2020. Por isso, resta-nos esperar (sim, pretendo reler este livro em português) e ler este livro incrível. Digo-vos que vale realmente a pena ler este livro, considero-o um dos melhores leituras deste ano.

    Deixar uma resposta