Literatura Opiniões Literárias

Raparigas Como Nós de Helena Magalhães

Outubro 9, 2019

Tenho um pequeno problema chamado “Não sei escrever as opiniões dos livros que eu mais gosto”. Não sei se mais alguma book blogger tem este problema, mas eu tenho. Já li o livro da Helena Magalhães em Junho, mas só agora em Outubro é que consegui finalmente escrever a minha opinião do livro. Já dei a opinião do livro a ela, foi a primeira coisa que fiz assim que terminei de ler, sou a favor de partilhar as nossas opiniões com os próprios autores. Penso que ela não ficou surpresa, mais uma opinião cinco estrelas ao seu livro que tem causado imenso fervor por entre o mundo dos leitores portugueses. Quando soube a notícia que a Helena iria trazer-nos um novo livro fiquei eufórica, já tinha lido o Diz-lhe Que Não e tinha adorado (não, ainda não temos a opinião desse livro no blogue, pois mais uma vez não sei falar dos livros que eu adoro!). Agora vinha o Raparigas Como Nós, num contexto diferente do seu primeiro livro, mas que não ficou nada atrás do primeiro.

Já falei diversas vezes com a Helena, é uma blogger e pessoa que admiro. Conhecia-a através do seu blogue, também devido a ela passei a gostar de gatos! Acompanho o seu trabalho e sei o quanto ela se esforça para passar a sua mensagem. O seu livro entrou em pré-venda e fui logo a correr comprar. Assim que o vi na Wook, foi colocar no carrinho e comprar. Esperar? Nem pensar! Ainda por cima o livro vinha com direito a autógrafo. Agora vem a parte mais divertida. Passadas algumas semanas a Helena vem falar comigo, diz que quer enviar um exemplar do seu livro para mim, com um autógrafo especial. Ora bolas, e agora? Para vocês que estão a questionar-se: sim, eu tenho dois exemplares de Raparigas Como Nós e ambos estão autografados pela Helena. Há gente com sorte, não há? Se acham que eu iria vender estão bem enganados, e não tenho a quem dar. Por isso, vou guardar os dois exemplares e um dia ofereço à minha filha (assim espero, pelo menos!).

Honestamente não sei como explicar-vos o que sinto relativamente a este livro. É um misto de emoções, simplesmente não tenho palavras para dizer o quanto eu precisava deste livro na minha vida, e como ele apareceu no momento certo. A Helena tem um talento inato para contar histórias, percebi isso com o seu primeiro livro e agora foi ainda melhor. A escrita dela é qualquer coisa de mágica, dei por mim a voar pelo livro, a entrar na história e a viver com os personagens. A minha adolescência não foi totalmente assim, mas vi tantas semelhanças. Dei por mim a querer retroceder no tempo e viver alguns dos melhores anos da minha adolescência. E a quantidade de vezes que chorei durante a leitura? Devia ser crime um escritor fazer um leitor chorar!

O primeiro destaque é pelo simples facto de que a Helena é das primeiras autoras portuguesas que vejo a trazer este género literário do young-adult aqui para Portugal. Acho que até os leitores que não se identificam com o género vão comover-se e deixar levar pela a história destas personagens. Precisámos de mais livros deste género nas livrarias portuguesas, a nossa literatura nacional precisa de autores que escrevam para os nossos jovens e que saibam chegar até eles, claro que este livro dá para todas as idades. Vejo-me perfeitamente nos meus oitenta anos com os meus vinte gatos a ler este livro acompanhada de um belo chá. Mas sinto que este livro seria capaz de mudar a visão de muitos jovens e até mostrar-lhes que a adolescência não dura para sempre, que temos de a aproveitar enquanto é tempo.

Uma história incrível, não me canso de dizer isto. Porra, leiam este livro da Helena, vamos apoiar o que é nosso. Se o livro não fosse bom eu nem me daria ao trabalho de escrever sobre ele, mas o livro é tão bom que eu ainda a escrever a opinião dele me emociono. É injusto não vos dar uma opinião em condições, mas é complicado para mim, exprimir o que sinto relativamente ao Raparigas Como Nós. Adorei cada página, cada momento que passei a ler este livro. Considero-o um melhor amigo. Uma leitura obrigatória para todos os fãs do género literário. Daquelas histórias que nos abrem feridas que pensávamos já estar bem mais que esquecidas, e memórias bem lá do passado.

Helena, obrigada por teres escrito Raparigas Como Nós. Acredito que muitos dos leitores que leram este livro não tinham a noção do quanto precisavam de ler esta história até à lerem. Se me sinto orgulhosa por ter dois exemplares autografados? Vocês nem imaginam. Se tenho orgulho em ver a Helena nos tops de vendas? Vocês nem imaginam. Este livro é puro #GirlPower. Leiam. Não esperem por amanhã para ler. Leiam hoje. E percam-se nesta história que vos despedaçara os coração e vos fará dançar, dar pulos de alegria e querer comprar umas argolas.

Deixar uma resposta