Literatura Opiniões Literárias

A Guerra Aqui Tão Perto de Monica Hesse

Maio 3, 2019

Sempre teve interesse em assuntos relacionados com a grande guerra, apesar desse tema chocar-me imenso e deixar-me um pouco revoltada por todos aqueles que sofreram evito muitas vezes ler livros desse tema. Conto pelos dedos da mão quantos livros li desse tema, sei sempre que irei acabar por chorar e ficar revoltada. De todos os que li (poucos, mas bons) aquele que mais tocou-me foi O Rapaz de Pijama às Riscas, logo depois está um clássico (sim, considero um clássico que todos deviam ler) está O Rouxinol de Kristin Hannah e por fim, o mais aclamado (não achei nada de mais, mas é uma boa história) A Rapariga Que Roubava Livros do Zusak.

Quando o novo livro da Monica Hesse chegou cá a casa fiquei um pouco de pé atrás. Estaria realmente preparada para este livro? Iria conseguir ler este livro apesar de fugir a sete pés do tema? Não demorei muito para ganhar coragem e ler o livro, graças ao facto de ter sido o escolhido pela Helena Magalhães para o #HMBookGang de Abril. Assim que iniciei a leitura só pensei vou demorar séculos a avançar a leitura, vão todos terminar e eu ainda vou estar a chorar com a história. Não me interpretem mal, sou uma leitora rápida, mas quando se trata de temas verídicos eu torno-me uma criança e faço birra. Emociono-me e perco-me a pensar no que as pessoas passaram. E perguntam vocês: quantos dias demorei a ler A Guerra Aqui Tão Perto? Menos de 24 horas, porra.

Só não terminei este livro mais cedo porque tive de dormir. Fiquei até cerca da 1 da manhã para avançar mais um capítulo, só mais um capítulo, vocês sabem. Acordei mais cedo porque realmente queria saber onde esta história tão incrível e mágica me iria levar. Não considero que seja dos melhores livros do tema, tem uma história intensa e com imenso significado. A autora tem uma escrita cativante, agarra a nossa atenção bem rápido e de uma forma que choca. Não brinco quando vos digo que trezentas páginas voam num abrir e fechar de olhos. Uma leitura super fluída, com personagens muito bem delineadas e um enredo de gritar aos ventos de tão bom que é.

Monica Hesse trouxe-nos o melhor dos dois mundos. Se eu, uma pessoa que não é fã de Romance Histórico, se deixou render, então não sei do que vocês estão à espera para irem a correr comprar este livro. Infelizmente, como acontece sempre que gosto imenso de um livro, nunca tenho as palavras certas para descrever o quanto gostei dele. Posso dizer-vos que tanto a Haruko e a Margot bem poderiam ser pessoas reais, e acredito quase que esta história aconteceu pela forma como a escritora narra tudo de forma tão natural, tão fundamentada. Este género de livros implica muito mais do que sentar e escrever, implica pesquisa e investigação, a autora conseguiu conjugar a realidade e a ficção de uma forma inexplicável.

Adoraria voltar no tempo para ter a oportunidade de ler este livro novamente. Adoraria voltar a sentir todas aquelas emoções, sentir as lágrimas quase a cair e o coração a dançar de felicidade. É um livro de tem uma história triste, mas a mensagem que passa deixa-nos tão felizes. Por favor, leiam este livro, vão ficar nas nuvens.

Uma leitura com o apoio de TopSeller. Compra o livro em Wook.pt.

Deixar uma resposta