Literatura Opiniões Literárias

Literatura | A Maldição de Hill House – Shirley Jackson

Eu tinha planeado ler este livro assim que terminasse a série, porém, a demora de chegar e depois colocar outras leituras à frente só fez com que eu adiasse a leitura. Foi mais uma leitura para o #NetBookClub, mesmo que não fosse o escolhido eu iria o ler de qualquer maneira. Esta opinião não será de todo para comparar o livro com a série, é impossível fazê-lo, mas em breve irei falar da série e do livro em conjunto.

A Maldição de Hill House é um livro que nunca tinha ouvido falar, admito que senti extrema vontade de ler o livro pelo recomendação de Stephen King. Pensei eu “Se o Stephen King, o mestre do terror, adora este livro, eu só posso vir a amar, correto?” Infelizmente não foi bem assim, gostava eu que realmente tivesse sido.

A escrita de Shirley Jackson consegue ser muito a boa, adorei a escrita desde do início. Porém, estes livros precisam de algo que muitas vezes desmotiva os leitores: ritmo. É necessário manter aquele ritmo que gradualmente aumenta e faz o entusiasmo do leitor crescer mais e mais. Não senti que houvesse isso, pelo contrário, se ao início estamos entusiasmados com o que pode vir chegámos ao final sem entusiasmo nenhum. Penso que a ação demora imenso a decorrer, apesar do livro ser apenas cerca de 200 páginas, consegue ser muito lento. Estamos a falar de uma história de terror, queremos algo que nos arrepie e faça ter medo à noite. Não julgo que mereça ser considerado um livro de terror lá muito bom.

As personagens, não posso deixar de referir a série neste aspeto, estava à espera das personagens da série e encarei-me com o mundo de pernas para o ar. Não são totalmente as personagens que estava à espera, portanto, tive de as conhecer e não consegui gostar bem de nenhuma. A Eleanor ao início pareceu-me ser a personagem com a qual me fosse identificar, depois pensei que iria amar a Theo, e então o Luke. Não, eles ao longo do livro conseguiram desiludir-me. Pareciam personagens carenciadas de personalidade. A Eleanor é quem tem mais impacto na história, e muitas das vezes chegou a dar comigo em doida. Não conseguia lidar com ela e com os seus pensamentos, uma personagem que achei muito aborrecida.

O final não me surpreendeu, deixou-me desiludida até. Esperava algo mais, sinceramente, acreditava que o final iria fazer-me arrepender de tudo o que eu tinha pensado até ali. O livro no geral não foi grande surpresa, talvez se não tivesse visto a série, contudo, penso que nem assim iria gostar do livro ao ponto de dar-lhe mais que três estrelas. Julgo que ler o livro primeiro ou depois da série não vá ter grande influência na opinião do livro.

A Maldição de Hill House é daquelas histórias que tem tudo para dar um incrível livro de terror. Não sei se este livro merece cinco estrelas, muito menos quatro. Fico-me pelas três estrelas porque eu queria terror, e não encontrei nada disso. A ação pareceu-me parada e as personagens nem se fala. Comecei a leitura sem quaisquer expectativas, e muito menos quis comparar com a série. Sabia que seria diferente, a série apenas foi inspirada no livro, não é adaptação. Porém, não há como não comparar ambas.

Se recomendo o livro? Claro, recomendo sim. Apesar de tudo até consegue ser daquelas leituras que fazemos e a certo ponto sentimos necessidade de ter na nossa biblioteca. Gostei da escrita da Shirley, é um ponto forte aqui, portanto, foi o que fez-me ficar pelas três estrelas. A história é engraçada e diferente, apesar da forma como foi abordada ter sido a melhor. São detalhes que apesar de deixar a história muito atrás do esperado, faz com que o livro seja diferente dos outros. Não é um clássico do terror, mas recomendo a leitura. Podem surpreender-se, mas por favor, não comecem a leitura com quaisquer expectativas: vão como uma página em branco.

Nota: A Maldição de Hill House já foi adaptada ao cinema, pelo menos duas vezes, para além da série da Netflix. Talvez queiram espreitar os filmes.

Sinopse: Uma das melhores histórias de sempre de terror, serve agora de inspiração para uma série original da Netflix

John Montague, especialista e estudioso do oculto, chega a Hill House em busca de algo concreto que possa provar a existência do sobrenatural. Acompanham-no, Theodora, a sua assistente, Luke, o futuro herdeiro da propriedade e Eleanor, uma mulher solitária e frágil, já com experiência de encontros com poltergeists.

Contudo, aquilo que, inicialmente, era apenas uma experiência em torno de fenómenos inexplicáveis torna-se, em pouco tempo, uma corrida pela sobrevivência, à medida que Hill House ganha poder e escolhe, de entre eles, aquele que quer para si…

A Maldição de Hill House é um dos mais perfeitos exemplos do terror e do suspense em literatura. Fonte de inspiração para nomes como Stephen King ou Guillermo del Toro, confessos admiradores de Shirley Jackson, a história foi adaptada por duas vezes ao cinema em filmes de grande sucesso.

«Uma mestre maior do terror e do suspense.» — The New York Times Book Review”

Editor: Cavalo de Ferro | Tradução: Maria do Carmo Figueira | ISBN: 9789896232511 | Páginas: 208 | Classificação: 3 em 5 Estrelas

Lê também

3 Comentários

  • Reply
    Anabela C.
    Dezembro 9, 2018 at 12:20

    Já tinha ouvido falar da série, mas ainda não sei se tenho coragem de ver.. é muito de terror? Eu não sou muito fã dessas cenas, apesar que vejo e adoro o American Horror Story (e só o primeiro temporada é deixou me com os pêlos em pé). Mas se a série é boa, o livro deveria ser mil vezes melhor..
    Beijinhos, obrigada pela partilha.
    Miss alebana

  • Reply
    Angie
    Dezembro 9, 2018 at 12:15

    O livro não é nada como o livro, portanto, aconselho a ler com as expectativas rasas ou sem esperar nada. Boa leitura!

  • Reply
    Catarina Sofia
    Dezembro 8, 2018 at 16:01

    Fiquei curiosa com o livro! Eu vi a série e adorei! 🙂

Deixar uma resposta